"Obrigado pela Vossa atenção"- Como Concluir o discurso sem ter que o dizer


O discurso está a correr bem, o auditório continua atento às suas palavras e quase na hora de concluir a sua apresentação. O que fazer? Como irá terminar a sua comunicação?
Image result for thank you

Muitas pessoas param abruptamente durante o exercício oratório deixando o auditório sozinho no silêncio. De repente, de modo inesperado, ele cala-se. Por fim, o auditório reage, ainda que atordoado.

Outros oradores preferem uma estratégia mais directa. Assim, colocam um slide do PowerPoint dedicado a agradecer toda a atenção dispensada. Simpático. E ninguém tem dúvidas que o orador já concluiu o seu discurso. Agradecer é uma forma possível de concluir a prelecção mas não é a única possível.

Com efeito, o orador pode concluir a sua comunicação através de um agradecimento. Mas sobretudo deve terminar o discurso como atitude e convicção. E deve fazê-lo num momento em que o auditório o espere que o faça. Não vai querer surpreender o seu auditório!

Em vez de um simpático mas humilde "obrigado", experimente outras formas e torne a sua comunicação  indelével.
O seu discurso pode estar a terminar mas isso não significa que a conclusão não seja um momento forte da sua apresentação.

3 super-modos de terminar a sua Apresentação


Apelo à Acção


Os discursos destinam-se a mudar a percepção que o auditório tem acerca de alguma coisa. Uma óptima maneira de concluir a comunicação é apelar directamente a agir. É deixar no ar aquilo que é justo fazer. É insinuar a necessidade de realizar algo.
Além disso, é essencial que, enquanto orador, lhes diga aquilo que espera do seu auditório. Um apelo à acção é uma das melhores formas de resumir as suas ideias e terminar de forma confiante e convincente.
Fale com ênfase; utilize as pausas a seu favor; conduza o auditório até onde deseja e interpele-o a agir.
Image result for churchill speech


Repare como Churchill conclui um dos seus discursos.

Peroração do discurso «SANGUE, SOFRIMENTO, LÁGRIMAS E SUOR» de Winston Churchill (13 de Maio de 1940)


"Perguntam-me qual é o nosso objectivo? Posso responder com uma só palavra: Vitória – vitória a todo o custo, vitória a despeito de todo o terror, vitória por mais longo e difícil que possa ser o caminho que a ela nos conduz; porque sem a vitória não sobreviveremos. 
Compreendam bem: não sobreviverá o Império Britânico, não sobreviverá tudo o que o Império Britânico representa, não sobreviverá esse impulso que através  dos tempos tem conduzido o homem para mais altos destinos. 
Mas assumo a minha tarefa com entusiasmo e fé. Tenho a certeza de que a nossa causa não pode perecer entre os homens. Neste momento, sinto-me com direito a reclamar o auxílio de todos, e digo «Unamos as nossas forças e caminhemos juntos»".


Conte uma História


As histórias são momentos onde os auditórios se ligam aos oradores. E são oportunidades únicas de resumir a sua mensagem de forma narrativa, vívida e dramática. As histórias ilustram de forma personalizada as ideias ou valores morais que está tentar transmitir.
Não fale acerca da sua mensagem. Conte a sua mensagem através de uma história.


Repare na parte final do discurso de Obama no New Hampshire, durante o comício de apoio à candidatura presidencial de Hillary Clinton, em 2016.
Obama conta a história (quando faltarem cerca de 8 minutos para o fim do vídeo) sobre como aquela mulher com um chapéu esquisito o ajudou a conquistar o auditório. Repare como ele "cresce" durante este momento e o auditório o acompanha com entusiasmo.


Seja Inspirador

Se o auditório se dispõe a ouvi-lo é porque possui alguma coisa que ele valoriza. E provavelmente ele sairá mais rico e estimulado depois de o ouvir. Porque não concluir a sua comunicação inspirando aqueles que o escutam?
Image result


Os problemas, dificuldades ou desapontamentos são universais. Não são exclusivos apenas de alguns. Toda a gente vai apreciar um poema ou uma citação que os inspire e encoraje a enfrentar essas dificuldades. Sejam os maus resultados desportivos, ou desmotivação no trabalho, qualquer pessoa vai gostar que os motive a continuar.
Inspire o seu auditório!
Se quiser pode utilizar algumas frases que ajudarão o seu auditório a ultrapassar as adversidades e alcançar o sucesso.

Ficam aqui três das minhas citações inspiracionais favoritas:

1) “A melhor forma de começar é deixar de falar e começar a fazer" -Walt Disney

2) “O pessimista vê dificuldades em cada oportunidade. O optimista vê oportunides em cada dificuldade" -Winston Churchill

3) "O único limite para concretizar o nosso amanhã serão as dúvidas de hoje" -Franklin D. Roosevelt




Experimente estas sugestões e envie as suas impressões por email!


Retoricamente, bons discursos (e boas conclusões)!


Mensagens populares deste blogue

Grandes Discursos: We Shall Fight on the Beaches de Winston Churchill

Quantas palavras por minuto profere nos seus discursos?

O Método de loci- uma das mais eficazes técnicas de memorização